Soluções á medida de batch por ganho de peso

Estações de batch, pesagem batch de múltiplas matérias-primas e sistemas de pesagem batch para múltiplos destinos.

Gain-in-weight batching system illustrationOs sistemas de doseamento por ganho de peso são bastante utilizados para dispensar sólidos a granel em processos batch.

Num sistema de doseamento batch típico são utilizados doseadores volumétricos individuais, cada um deles dedicado a uma única matéria-prima ou ingrediente ativo. Cada doseador dispensa sequencialmente a sua matéria-prima para uma tremonha de recolha central, instalada numa balança ou equipada com células de carga.

O peso da tremonha de receção é monitorizado continuamente à medida que cada matéria-prima é adicionado sequencialmente. As leituras de peso são comparadas com o objetivo para cada matéria-prima.

Quando o peso pretendido de uma matéria-prima se aproxima do seu objetivo, o doseador volumétrico reduz a velocidade para assegurar que não ultrapassa o seu objetivo. Quando o objetivo é atingido, a descarga desse doseador é interrompida e o doseador seguinte arranca.

Logo que todas matérias-primas do batch sejam doseadas para dentro da tremonha de receção por ganho de peso, são descarregadas para um sistema de mistura, ou dispensadas diretamente no processo para realização da etapa seguinte.

Os sistemas de batch por ganho de peso que utilizam doseadores volumétricos podem normalmente atingir uma precisão de +/- 0,5% da capacidade total da balança.

Quando é necessário adicionar minis ou micros com maior precisão, por serem matérias-primas críticas, podem ser utilizados doseadores gravimétricos por perda de peso. Nestes sistemas de batch híbridos, os doseadores de batch por perda de peso podem proporcionar uma precisão de +/- 0,1 - 0,5% do objetivo.

Estações de batch por ganho de peso

Coperion K-Tron Gain-in-Weight Batching Stations handle up to 8 components and 100 recipes.

As estações de batch por ganho de peso Coperion K-Tron oferecem uma solução flexível e económica para aplicações até 8 matérias-primas e 100 formulações.

Detalhes da estação de batch

  • Aceitam qualquer doseador volumétrico Coperion K-Tron, incluindo fuso simples, fuso duplo, BSP, ou qualquer outro dispositivo PID
  • Tremonha de receção equipada com 3 células de carga, de elevada precisão e durabilidade.
  • Controlador KGIW, com controlo automático da formulação, display alfanumérico multilinha, E/S configuráveis, relatórios integrados e caixa IP65 em aço inoxidável
  • Interfaces de comunicação Interbus-S, Profibus ou DeviceNet para integração com PLC's.
  • Interfaces série ou Ethernet TCP/IP para integração com sistemas de supervisão.
The elements of a gain-in-weight batching system

Elementos do sistema

  • Controlador de sistema KGIW
  • Comunicações externas
  • Tremonha do doseador
  • Motor do doseador
  • Doseador
  • Tremonha de receção
  • Sistema de pesagem
  • Descarga da tremonha de receção
  • Válvula de desvio da descarga opcional
  • Estrutura de suporte opcional
  • Sistema de alimentação a vácuo da tremonha do doseador opcional

Consulte a folha de especificações da estação de batch


Sistema batch de macros para múltiplos destinos

Batch weighing of multiple ingredients

Quando o batch de macros requer que uma única matéria-prima seja entregue em múltiplas estações (consultar o diagrama de processo acima, relativo a uma aplicação na indústria alimentar, onde um batch de matérias-primas é transferido para um misturador) ou que múltiplas matérias-primas sejam entregues num único destino, podem ser usadas válvulas de desvio especiais Aeropass™ instaladas por cima da tremonha de pesagem. Depois de uma matéria-prima ser fluidificada na origem para promover a sua descarga, por exemplo, num silo ou big-bag, normalmente passará por uma válvula rotativa Aerolock™, depois por um crivo (se necessário) e novamente através de outra válvula rotativa Aerolock para ser dispensada na linha de transporte. Logo que se encontre na linha de transporte é então transportada para a válvula Aeropass, localizada por cima de uma tremonha de pesagem.

Aeropass diverter valve operating principlePrincípio de funcionamento da válvula Aeropass A válvula Aeropass funciona como uma válvula de desvio e é ideal para desviar a matéria-prima diretamente de uma linha de transporte para uma tremonha. Dado o reduzido atravancamento em altura da válvula, torna-se ideal quando é necessária uma derivação em espaços apertados. Como se mostra na figura abaixo, a válvula possuí um dispositivo interno defletor que uma vez posicionado para desvio permite derivar o fluxo de produto da linha de transporte para a tremonha que se encontra por baixo. Quando o sistema de pesagem da tremonha indica que o batch está completo, o defletor da válvula Aeropass pode ser imediatamente reposicionado, deixando de desviar o fluxo de produto. Isso permite a transferência do produto em excesso na linha de transporte para a tremonha de pesagem seguinte ou de volta para a origem. Este design em ciclo fechado resulta num método mais eficiente de transferência de produtos com maior rendimento.

Pesagem de batch com tremonhas de pesagem

scaling system for multi destination batching

As tremonhas de pesagem são tremonhas recetoras suspensas em células de carga para pesagem de matérias-primas em batch (consulte o diagrama acima). As matérias-primas permanecem na tremonha de pesagem até que o peso exato e/ou a combinação de matérias-primas necessário sejam alcançados. Com o sistema de pesagem, podem ser esperadas precisões de +/- 0,5% da capacidade total da balança. Logo que se atinja o peso desejado, o misturador solicita o produto, abre-se uma válvula de borboleta e o produto na tremonha de pesagem é descarregado.